Visitantes..!

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

CATEGORIA PRINCIPAL: BEIRAMAR VENCE CAPIVARENSE NO DOMINGOS SPOLIDORO E É O GRANDE CAMPEÃO DE 2011

                
Emoção no momento do gol do título de 2011
 É CAMPEÃO: BEIRAMAR BRILHA, VENCE POR 1 A 0 E MAIS UMA VEZ FAZ HISTÓRIA NA QUINTA SECÇÃO DA BARRA
 Com gol de Sano, time da Quinta vence Capivarense por 1 a 0 e solta o grito de campeão municipal




Mais um campeonato amador nortense que chega ao fim, e mais uma vez quem ergue a taça é o representante da Quinta Secção da Barra, o Beiramar. Dessa vez o adversário da final foi o Capivarense, o jogo de ida terminou empatado em 0 a 0  na 16 de Julho, ontem Beiramar e Capivarense se enfrentaram pelo jogo de volta, e dessa vez o Beiramar conquistou a vitória e a taça de campeão municipal em 2011.
O Beiramar se consagra campeão com a campanha de 7 vitórias, 5 empates, 2 derrotas, 21 gols marcados, apenas 10 gols sofridos, saldo +11 e 26 pontos ganhos, uma campanha impecável, digna de título.
Já o vice-campeão Capivarense ficou com 6 vitórias, 4 empates, 4 derrotas, 18 gols feitos, 14 gols sofridos, saldo +4 e 22 pontos ganhos.
Vamos ao jogo que rendeu o título municipal do ano de 2011 para o Grêmio Esportivo Beiramar em uma tarde que ficará guardada para cada torcedor vermelho e branco da Quinta Secção da Barra, e claro, para cada um dos guerreiros que formaram o plantel.
O JOGO

O jogo começou com as duas equipes errando alguns passes e rifando a bola, algo normal em função do nervosismo por estar jogando uma decisão, mas com o decorrer da partida as coisas começaram a ficar mais calmas e o bom futebol foi aparecendo, principalmente pelo lado do Beiramar, equipe acostumada a disputar decisões.
Tiquinha e Binho estavam muito bem em campo, Tiquinha jogou em cima do lateral direito Sandro do Capivarense, e se deu muito bem, o jogador invadiu inúmeras vezes a área do Capivarense, mas o Capivarense também começou atacando muito com Nando se espalhando pelo centro do gramado, o jogo estava muito equilibrado pelos dois lados até o Capivarense errar no meio e proporcionar chances para os donos da casa que aproveitaram com eficiência.
Início bom para os dois lados 
O estado fantástico do gramado do Domingos Spolidoro ajudou muito ao espetáculo, quem conseguia jogar com troca de passes e com organização era o Beiramar que trabalhava muito bem a bola até o ataque, já o Capivarense estava jogando muito em função do meia Nando que foi muito bem mais uma vez, o Capivarense começou tendo algumas chances pelo lado de Nando, com Marcelão se esforçando na frente, mas os visitantes se perderam na ótima marcação do Beiramar e muitas vezes entregavam a bola aos centro-médios da Quinta, os donos da casa tinham um contra-ataque muito rápido com Tiquinha e Binho, o segundo atacante Tiquinha estava impossível, fez um carnaval pelo lado esquerdo com dribles rápidos e invasões em diagonal na grande área, daí para a frente o Beiramar controlou o jogo e chegou rapidamente até o gol.

Sano faz o gol do título 
Buscando abrir o placar rapidamente o Beiramar foi começando a tirar os espaços do Capivarense e pressionando os visitantes em cima, Ciro salvou os visitantes duas vezes em jogadas rápidas, a mais bela defesa foi em uma cabeçada de Andeca que Ciro defendeu em dois tempos com extrema agilidade. 
Mas não demorou muito para o Beiramar abrir o placar, em jogada bem trabalhada desde o campo de defesa, a marcação do Capivarense deu bobeira e a bola chegou ao meia atacante Sano, que como um pivô virou o corpo e chutou no meio do gol, Ciro que estava com a visão dificultada no lance, já havia caído para o canto direito e a bola foi entrando lentamente para o fundo das redes; explosão de festa na Quinta Secção da Barra o gol levou os torcedores rubros que compareceram em grande número á loucura, era o gol do título e o torcedor ainda teve que aguardar mais um tempo para comemorar o título.
Mais Beiramar na segunda etapa 
O primeiro tempo chegou ao fim, o segundo tempo começou e o Beiramar continuava melhor no jogo, a marcação dos donos da casa estava muito eficiente e o time jogando em cima do Capivarense,  Tiquinha, Binho e Andeca estavam muito bem em campo, pressionando os visitantes ao erro, e conseguiram constantemente a bola do Capivarense, o Beiramar ainda teve mais algumas chances de gol, o Capivarense também criou algumas jogadas de perigo pelos lados com Samuel e Nando, mas era o Beiramar que continuava pressionando e mandando no jogo, mas quando cada equipe perdeu um componente as coisas mudaram e o Capivarense dominou o jogo.
Expulsões na partida 
Aos 26 minutos Binho sente a coxa e sai de campo lesionado, Choco entra no seu lugar, o mesmo Choco roubou a bola de Patrick no lado direito e sofreu falta violenta, o meia do Capivarense já havia recebido o cartão amarelo, acabou recebendo o segundo cartão e foi expulso pela falta cometida.


Com um homem a menos o Capivarense teve de substituir e jogar ainda mais nos contra-ataques, o Beiramar foi jogando ainda mais no campo do Capivarense e tentando liquidar com a partida; até o momento em que os donos da casa também ficam com um homem a menos. Sano fez falta grave em Bolão pelo lado esquerdo do Beiramar e como já tinha cartão amarelo também acabou expulso, a partir daí só deu Capivarense, os visitantes controlaram a posse de bola e se mandaram pra frente, enquanto o Beiramar marcava dentro de seu campo; mas o Capivarense não conseguia criar nada e parava na marcação dura do Beiramar, Nando ainda quase marcou o gol de empate em um chute certeiro no travessão do ótimo goleiro Dida que ainda não tinha trabalhado intensivamente, Samuel também colocou perigo ao gol de Dida em um cruzamento da esquerda em que a bola raspou a trave e acabou saindo. Mas o Capivarense não conseguiu o empate, colocou o talismã Seninha e também não deu em nada. 
Beiramar, É campeão! 
O torcedor da Quinta foi ficando cada vez mais nervoso com os lances de perigo do Capivarense, e cada minuto demorava para passar na cabeça dos torcedores, mas o o jogo chegou ao seu fim após Nando finalizar para fora. Dida preparou a cobrança de tiro de meta e o árbitro João Protas apitou o fim do jogo no Domingos Spolidoro, o torcedor do Beiramar invadiu o campo e foi abraçar seus jogadores, muita emoção dos dois lados: do Beiramar pela festa histórica por ser o grande campeão municipal do ano de 2011, e de tristeza e muito choro pelo lado do Capivarense por deixar escapar o título inédito; a certeza é que ganhou um time que mereceu, que jogou com muita vontade, habilidade, raça e vigor, um time que tem uma torcida unida e a maior parte de jogadores da casa; e que ficou com a vice-colocação um time que mereceu, por ter eliminado grandes equipes e por ter se reerguido no nosso cenário futebolístico.

Parabéns Grêmio Esportivo Beiramar, campeão municipal de São José do Norte, 2011, parabéns Quinta Secção da Barra pois a taça ficou mais uma vez nessa grande localidade. 

BEIRAMAR 1 X 0 CAPIVARENSE
Dida, Felipe, Dinho, Lúcio (C), Eberson, Vovô, Tiano, Binho (Choco), Sano, Tiquinha e Andeca (Pablo).Ciro(C), Sandro (Seninha), Ronaldo, Ricardo, Bolão, Fabrício, Patrick, Samuel, Calcinha, Nando e Marcelão. 
Técnico: AndersonTécnico: Larry Lucas
Gols:Sano (Beiramar) aos 24 min'1º
Cartões amarelos: Felipe, Sano e Andeca (Beiramar), Patrick e Calcinha (Capivarense).
Cartões vermelhos: Sano (Beiramar) e Patrick (Capivarense).
Data: 11/12/2011. Local: Domingos Spolidoro, Quinta Secção da Barra. Árbitro: João Protas. Auxiliares: Walter Ritta e Gilnei Glaeser.

FICHA TÉCNICA

G.E. BEIRAMAR


S.C. CAPIVARENSE

4=4=2


4=5=1
GOL
Dida

GOL
Ciro ©
LAD
Felipe

LAD
Sandro
Seninha-ATA
ZAD
Dinho

ZAD
Ronaldo
ZAE
Lúcio ©

ZAE
Ricardo
LAE
Eberson

LAE
Bolão
Toro-ZAG
VOL
Vovô

VOL
Fabrício
VOL
Tiano

MEC
Patrick
MEC
Binho
Choco-MEC

MEC
Samuel
MEC
Sano

MEC
Calcinha
Henrry-MEC
STA
Tiquinha

MEC
Nando
ATA
Andeca
Pablo-ATA

ATA
Marcelão
Frank-VOL
TEC:
Anderson

TEC:
Larry Lucas

ficha do jogo
    ARBITRAGEM
    João Protas
     Gilnei Glaeser e Walter Ritta


Local: Estádio Domingos Spolidoro, Quinta Secção da Barra.
Horário: 17h

Nenhum comentário:

Postar um comentário